sábado, 4 de setembro de 2010

A beleza de Elisany

Imagem: Paulo Santos
Esta imagem da bragantina Elisany Silva, 14 anos, impressionou a imprensa mundial. Foi inclusive publicada no Flanar, no post De Ajuruteua para o mundo, feito direto da Bélgica por nosso poster Edvan Feitosa Coutinho. Entre as publicações que deram destaque a bela morena legitimamente paraense, destacamos os links abaixo:

Todas as imagens foram feitas pelo fotógrafo paraense Paulo Santos, com anos de experiência em fotojornalismo. Esta semana, em conversa com ele, pude ver outras imagens de Elisany que poucos da mídia local publicaram. Naturalmente, mais interessados na informação da gritante desproporção entre sua idade e tamanho atuais, a mídia local concentrou-se na primeira imagem das 3 que publicamos agora, gentilmente cedidas pelo fotógrafo ao Flanar.
Contudo, a mídia internacional valorizou e publicou também as imagens que seguem, que mostram outros ângulos de Elisany, onde a informação se encontra com a sensibilidade do fotógrafo. 
Imagem: Paulo Santos
Incluindo esta bela imagem, onde a beleza absurdamente cabocla de Elisany, brota naturalmente, sem maquiagens ou retoques digitais.
Imagem: Paulo Santos
E ouvindo depoimento pessoal de Paulo, pude perceber o encanto que ele trouxe da missão que o levou até Ajuruteua. Encanto que ele conseguiu tranquilamente transmitir a nós, e à todos os demais, na telinha do computador.
Para quem ainda não visitou, vale a pena ir à exposição Amazônia - Estradas da Última Fronteira, aberta até o dia 24 de setembro no Museu Histórico do Estado do Pará.

7 comentários:

Itajaí de Albuquerque disse...

Eu sabia que havia um excelente fotógrafo por trás desses registros.

. disse...

Que moça bela...
Mas qual é a história dela?

Scylla Lage Neto disse...

Itajaí, você tem um baita olho clínico, né?! Paulo Santos makes all the difference.
Só não entendi se fizeram a ressonância de sela túrcica da moça ou se vão esperar a suspeita de tumor hipofisário ficar crescendo junto com o IBOPE da história...
Abs.

Val-André Mutran  disse...

As pessoas portadoras desses distúrbios de crescimento anômalo geralmente são, digamos, foras dos padrões de beleza. Porém, essa garota é linda.

Itajaí de Albuquerque disse...

Você se refere, Val-André, às deformidades da Acromegalia, que resulta de tumor hipofísário em adultos. Esses efeitos não comparecem no caso da jovem bragantina, que é adolescente. Contudo, também nesse caso é necessário excluir como causa os tumores da sela túrcica/hipófise/pituirária a que o Scylla tem feito referência, ainda que possam existir outras causas muito mais raras, passíveis de serem tratadas clinicamente. Por outro lado, como antes referido, caso esse exagerado estirão ponderal seja relacionado a um processo expansivo, ou seja, prevalecendo a hipótese tumoral, o tratamento indicado é cirúrgico.
Como eu concordo com a manifestação do Scylla, e considerando a total disponibilidade de tomografias e ressonâncias magnéticas em Belém, é urgente que as autoridades de saúde de Bragança e Belém solucionem o caso dessa jovem.

Val-André Mutran  disse...

Obrigado pelo esclarecimento.
O alerta que você faz as autoridades é muito mais relevante que minha mera curiosidade.
Ela tem traços da Dira Paes que tanto sucesso faz em alguns programas da televisão e no cinema.
Aguardaremos, aqui, as providências de quem de direito, independente da beleza, estonteante, da mocinha.

Itajaí de Albuquerque disse...

Bem lembrado de Dira, que é prima de um amigo do peito, ambas pessoas queridas. Recomendo que contate a família e ponha o deputado no circuito, caso necessário. Não me agrada esse tipo de solução, mas as vezes é o caso.