sexta-feira, 25 de julho de 2008

De Bem

Reuters
Chegou a bonança. Hoje, presidente Chávez e o rei Juan Carlos I fumaram o cachimbo da paz. Na camaradagem, o Coronel chegou a dizer a S.M.: por que não vamos à praia? Como se demonstra, nada como a realidade econômica venezuelana, onde o investimento espanhol fala por si em alto e bom som. O fato, destaque na mídia internacional, é bom exemplo de que Tudo que é sólido se desmancha no ar, lição bem ensinada pelo sempre atual Marx.
Com esse post, estou de volta no batente do Flanar.

5 comentários:

Francisco Rocha Junior disse...

E já começou em altíssimo nível. Seja bem-vindo de volta, Oliver.

Oliver disse...

Obrigado, amigo. Aguardemos as notícias do Flanar nos EUA.

Yúdice Andrade disse...

Bem vindo, Oliver. Agradabilíssimo retorno. E com foto!

Oliver disse...

Soube do nascimento! Parabéns, professor, uma criança sempre é um felicidade imensurável!!!

Flanar disse...

Mas que ótimo retorno. E ainda por cima, com uma foto mais juvenil, digamos.
Por aqui, estamos em busca de Celia Cruz.
Rssss....