sábado, 21 de agosto de 2010

O dancing club ideal



Imagine uma boate onde você pode conversar, sem precisar gritar por causa dos inúmeros decibéis das caixas de som na pista. Imagine uma boate onde você tem duas opções de estilos diferentes de música para dançar, sem ter que se deslocar a outro ambiente. Pois isso é a Silent Disco. A idéia é simples: um dancing club sem caixas de som, mas como fones de ouvido sem fio, que você mesmo controla o volume e ainda tem a opção entre dois canais de música - tocada por dois DJs lado a lado. Faz o maior sucesso na Europa.
A que participamos é organizada pela empresa holandesa Silent Disco, dos DJs OD e Big King Big. Eles tocaram em Brugge em um dos 10 espaços de música para dançar na noite chamada Beneweken - Ballroom Brugeoise, que encerrou o Festival Klinkers. E o melhor: tudo de graça.

Taí uma idéia que poderia acabar com os problemas de quem mora perto de onde acontecem as festas de aparelhagem em Belém.

4 comentários:

Scylla Lage Neto disse...

Edvan, tri-legal a idéia!
Posso até imaginar as aparelhagens aqui em Belém: Popsilence; Príncipe Surdo e Surdolândia, o Calhambeque do
Silêncio.
Um abraço.

Itajaí de Albuquerque disse...

Sensacional! Viva a privacidade!

Edvan Feitosa Coutinho disse...

É mesmo uma experiência incrível. Você conversa em plena pista de dança, basta tirar o fone. E se os que dançam começam a gritar ou cantar algum hit conhecido vc imediatamente coloca o fone e busca o canal que eles estão ouvindo. Outra vantagem é regular o volume que você quer ouvir.
Abs.

Yúdice Andrade disse...

Não apenas as festas de aparelhagem. Volta e meia inaugura por aqui uma boate de bacana sem o devido isolamento acústico. Se hoje a pressão dos prejudicados não fosse muito maior, a maioria delas seria uma fonte de infortúnios.
Sem dúvida, a ideia é excelente. Embora eu não fique confortável com fones de ouvido.