terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Ti-tchi-ty



Eu pouco assisto televisão, por falta de tempo e de estímulo para fazê-lo.
Hoje à noite, ao jantar diante da novela global “Ti-ti-ti” fui testemunha de três pequenos “tropeços” em apenas 20 minutos:
1 – “Nenhum dos dois são perfeito...”
2 – “Não compriram o acordo...” (com o o muito bem pronunciado)
3 – “Ligue a TV, ponha o pezinho pra cima do sofá e assista Teletabs...” (com o a enfatizado)
Mas que a novela é engraçada, isto é inegável. E nem o português “por demais mal dizido” tira a graça de personagens como Jacques Leclair e Victor Valentim.
E não é papo de tiete...

5 comentários:

Prof. Alan disse...

Curioso é que o cara que mais se dá bem com as mulheres na novela é o Jacques Leclair, uma quase-moça rebolativa cheia de caras e bocas...

Scylla Lage Neto disse...

Prof. Alan, quem entende as mulheres? Até na novela elas reagem de forma enigmática.
Abs.

Silvina disse...

Amigo Scylla,
Porvindoiro dia aconteça em que o homem entenda a mulher, (vice verse), não mais terá sabor tal temperada relação. Palavra de mulher!

Scylla Lage Neto disse...

Silvina, nice to hear from you!!!
Na verdade, nós homens fingimos entendê-las e as mulheres fingem que desejam ser entendidas.
O mais importante de tudo, eu creio, é encontrar o verdadeiro amor, coisa que ambos já fizemos, n'est-ce pas?!

Silvina disse...

You bet!