domingo, 18 de março de 2012

Ana Mokarzel






          No torpor da noite, o bronze da luz se dilui com as imagens. Neste tempo pouco, o michê flerta com seu próximo segundo, tentando seduzir mais um cliente. O brilho do carro, noir, remete a tempos passados, ou quem sabe cria memórias ao fecundar o presente. 
           A fotógrafa Ana Mokarzel, administradora por formação, consultora respeitada na área de recursos humanos, reencontra a fotografia, que conheceu ainda criança. A lembrança do pai lhe vem à memória. Ele ensinou as primeiras lições da escrita com a luz, como um mestre que segura a mão do discípulo no capricho das letras. O envolvimento foi inevitável. Ana passou a se dedicar cada vez mais à fotografia e, sem abandonar o trabalho original, agrega este novo universo a ele. Dinâmica, não se permite limites. Curiosa com a nova janela aberta, Ana se debruça e cai, como Alice no País das Maravilhas. E nos convida a viagens por mundos esquecidos e imaginários repletos de personagens instigantes que poucas pessoas sabem perceber.

Paulo Santos

6 comentários:

Marise Rocha Morbach disse...

Muito bonita.

Carlos Barretto  disse...

Que trabalho absolutamente maravilhoso!

Prof. Alan disse...

A Ana Mokarzel tem um site, um blog, onde ela exponha o trabalho?

Breno Peck disse...

Tem sim: www.flickr.com/photos/anamokarzel

A Aninha é genial. Apaixonada pela fotografia, leva o hobby (ou já será profissão?) a sério como poucos. Fora isso, é a simpatia em pessoa e quando eu crescer quero ser igual a ela.

Paulo Santos  disse...

Caros, além de agregar a fotografia a sua profissão original Ana Mokarzel tem colaborado em coberturas, como a do carnaval em Óbidos, publicando suas fotos no Washington Post como podem ver no link http://www.washingtonpost.com/2012/02/21/gIQAWUMMRR_photo.html

www.anamokarzel.com disse...

Olá, tenho um site/blog sim, www.anamokarzel.com, está em vias de ser mudado, mas dar pra conhecer um pouco mais do trabalho... Obrigada!!!