sexta-feira, 27 de outubro de 2006

O pai da mentira

Atazanado com o fato do eleitorado brasileiro o repudiar por sua ideologia privatizante do patrimônio nacional, Geraldo Alckmin segue em sua tresloucada campanha. Acusa, agora, Lula de defender programaticamente as privatizações.
Dilma Roussef, Ministra Chefe da Casa Civil, explica que, mais uma vez, o tucano usa de malícia para confundir o eleitor, ao por no mesmo balaio parceria público privado (PPP) e venda de patrimônio público, fazendo-as uma sinônimo da outra. Leia com detalhes n'O Globo.

Um comentário:

Navi Leinad disse...

Não sei qual foi a pior, se a campanha do Cristóvam que não decolou ou a do Alckmin em que nada dá certo pra alcançar a do Lula.