segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Balanço 2009

Por curiosidade, resolvi acessar o Google Analytics para elencar os 9 posts mais acessados do Flanar no ano de 2009. Para quem não sabe, o Google Analytics é a principal ferramenta de auditoria que utilizamos no Flanar. E através dela, elaboramos a lista abaixo em ordem descrescente de acessos.

10 comentários:

. disse...

Gente, com base nesse relatório tô percebendo o quanto ando "por fora da onda". Os textos tecnológicos são os mais acessados. Justo eles, que eu passo direto... Vou rever meus conceitos em 2010.

Carlos Barretto disse...

Talvez não exatamente, Lê.
Os textos mais acessados, são tão somente aqueles que atraem um público de visitantes conhecido como "visitantes únicos". São aqueles que chegam até nós através das ferramentas de busca. Entram no blog, descobrem a informação que procuram e talvez, nunca mais voltem. Eles de fato constituem a maioria do total de nossos visitantes. Perceba que este grupo é afeito tão somente ao mercado publicitário, interessado em colocar links patrocinados no blog. Mas não trabalhamos com links patrocinados.
Existe contudo, um outro grupo que é constituído por visitantes frequentes. São aqueles que retornam quase sempre. São os seguidores. Estes, sem a menor duvida, são os que fazem brilhar os olhos dos posters do Flanar. Quem não gostaria deles, se possue um blog totalmente desprovido de interesse comercial até o momento?
Na verdade, gostamos de todos. Incluindo os "paraquedistas". Todos são bem vindos e serão bem recebidos.

Bjs

Itajaí de Albuquerque disse...

Ai tem um problema de análise, Barretto. A categorização ficou execessivamente tecnológica com execessiva peso do ano de 2007. Sugiro uma classificação por ano, recortado pelos marcadores, para assim podermos orientar o blogue em acordo com as estatísticas.
De todo modo o Flanar está de parabéns.
Feliz Ano Novo, amigo velho!

Carlos Barretto disse...

Acho que não, Itajaí.
A verdade é esta mesmo. O corte foi feito apenas referente ao ano de 2009. Em outras palavras, os recordistas de acesso, são na maioria posts antigos, acessados por visitantes únicos (vindos do próprio Google).
O recorte por marcadores penso ser impossível pelo Google Analytics. Mas se vc conseguir, seria interessante. Vc ainda tem a senha de acesso ao Analytics?

Itajaí de Albuquerque disse...

Não, eu a perdi. Mas não devemos pedir das máquinas e softwares o que não lhes foi programado. Se tu não encontraste a possibilidade, é porque ela não foi prevista.
Entretanto, continuo de qualquer forma desconfiado, pois o Flanar em termos quanti-qualitativos é um blogue "político-tecnológico", quase na proporção de 2:1, se contarmos apenas os marcadores específicos, isto é, sem considerar uma olhada por dentro dos demais marcadores para encontrar alguns desgarrados desses dois grandes grupos de posts, fica estranho que absolutamente nada apareça do político. Por outro lado, se a diferença de acesso é tão grande, se tivermos extremos estatísticos, as séries deveriam ser normalizadas para termos uma visão mais clara do que estamos mensurando.
Isto posto, o Google Analytics é bom, mas não nos dá uma sintonia, eu diria, mais fina. Paciência.

Carlos Barretto disse...

Concordo plenamente.
Abs e Feliz 2010, amigo.

Carlos Barretto disse...

Contudo, pense apenas no seguinte:
Posts com títulos iguais a "COMO FAZER a rebinboca da parafuseta funcionar", serão sempre campeões junto às ferramentas de busca. Pelo simples fato de que é exatamente assim que a galera busca respostas a suas perguntas.
Mas creio que esta não seja nossa intenção primária. Sermos campeões de audiência junto as ferramentas de busca ou de qualquer outra coisa. Apenas sejamos aquilo que somos até então. O resto, como todo fenômeno, acontece seguindo às leis naturais.

Abs

. disse...

Meninos, me desculpem, mas meu namorado É um fenômeno!!!!
Eu que o diga! Ô!
hehehehehe..
(Não briga comigo, não, Doutor!!!)

Carlos Barretto disse...

Ahahahahahahah!
Mas Lelê, assim eu encabulo!

Lafayette disse...

Êpa, jurei que não cairia mais num 'pega', mas este agora não posso comentar...

...fenômeno? De que?

Conta! Conta! Conta! Conta! Conta! Conta! Conta! Conta! Conta! Conta!

:):):):)):):):)