sexta-feira, 18 de março de 2011

Dolo presumido


Imagem: Silvina Bertolo

Esta veio da nossa amiga Silvina.

Para aqueles que se dirigem à bucólica ilha de Mosqueiro, ela recomenda observar a nada bucólica placa situada um pouco antes do portal, à direita.

Mas é recomendável espiá-la bem de longe.

4 comentários:

Itajaí de Albuquerque  disse...

Um amigo meu, que à época fazia pós nos EUA, um dia se viu espantado frente a seguinte aviso, na entrada de uma propriedade: "aquele que à noite for encontrado em pé nesse jardim, pela manhã será encontrado estirado". Geografias diferentes, mentalidades iguais.

Val-André Mutran  disse...

Qual o tratamento para um estranho que invade a sua propriedade?

Qual?

Scylla Lage Neto disse...

Itajaí, pelo menos a versão americana não deixa explícita a maneira pela qual a "vítima" tornar-se-ia "estirada".
Num eventual processo judicial há posibilidade de defesa (eu acho).
Quanto a nossa versão mosqueirense...
Abs.

Scylla Lage Neto disse...

Boa pergunta, Val.
Um cafezinho com ou sem chumbinho?