segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Atualização de câmera digital

Nada como fazer um bom upgrade de câmera digital e sentir a diferença. Em minha opinião, diferenças muito importantes, que podem passar despercebidas, tendo em vista a boa qualidade das câmeras disponíveis no mercado. No meu caso, devo dizer que minha última aquisição superou todas as expectativas.

Antes, eu possuía uma Sony DSC H5, com 7 mpixels e zoom onboard de 12 x. Uma câmera estupenda, com alguns recursos extraordinários. Ficaria satisfeito com ela por anos a fio, não fosse o velho sonho de possuir uma verdadeira câmera "reflex" ou SLR. Daquelas com lentes intercambiáveis e tudo o mais.


Sony DSC H5

Agora nos EUA, aproveitei e adquiri o sonho através da Nikon D40. Uma câmera fantástica com 6 mpixels e 2 objetivas. Uma grande angular de 18 - 55 mm (boa para o cotidiano) e uma pequena teleobjetiva de 55 - 200 mm, capaz de garantir as mesmas aproximações da Sony.


Nikon D40

Tudo, coerente com post já escrito no Flanar, comentando sobre fotografia digital e a inexplicável "guerra dos megapixels". Em resumo o post afirmava o seguinte: para que investir em uma câmera de 10 megapixels se, no máximo, quando você decidir imprimir uma imagem, não pretende ultrapassar o tamanho A4? Com este raciocínio em vista, em nada me incomodou passar de uma câmera de 7 para outra de 6 megapixels com muito mais qualidade e recursos óticos de primeira linha.

Mas sem muita verborragia, vamos ao que interessa. Fotografias do mesmo objeto tiradas com as duas câmeras. Avalie você mesmo a diferença.

As imagens abaixo, não sofreram nenhuma edição qualitativa por software. Ambas, foram reduzidas na mesma proporção, para caberem no blog sem ocupar espaço de armazenamento no blogger.


South Beach - Miami na Sony DSC H5


South Beach - Miami na Nikon D4o

Além da grande angular empregada na fotografia, observe que o formato da imagem é bem diferente na D40, além da melhor vivacidade das cores. Na imagem da Sony, a imagem é mais próxima de um "quadrado". Enquanto que na imagem da D40, o formato é mais retangular, quase um "widescreen". Clique nas imagens para ampliá-las e vê-las no tamanho original da postagem.

E você? O que acha?

6 comentários:

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Você é fotógrafo?
Sou uma apaixonada por fotografias.
Seu blog é muito bom.Parabéns.

Flanar disse...

Obrigado pela gentileza de sua visita, Martha.
Não sou fotógrafo. Sou médico.
E fiquei lisonjeado com seu comentário, alçando-me a qualidade de fotógrafo, que sonho um dia abraçar por completo.
Volte sempre. Vez por outra, não só eu mas também os demais posters deste blog, publicam alguns cometimentos pessoais na área de fotografia, que vc poderá ver clicando no tema Fotografia na barra lateral direita do blog.

Abs

Ézyo Lamarca disse...

Flanar,
Olha a junção de duas paixões tuas:
http://cabanagemdigital.blogspot.com/2008/08/telescpio-para-iphone-3g.html
Abraços.

Flanar disse...

Mas, Ézyo? Vc não acha que ficou algo estranho?
Rsss...

Abs

Ézyo Lamarca disse...

Sim, com toda a certeza.
Mas deve agradar alguns.
E não deixa de ser uma coisa interessante do ponto de vista do que a tecnologia nos proporciona e do grau de convergência entre os dispositivos.
Imagina, um instrumento antigo agregado a um instrumento do final do século XX.
Abraços.

Flanar disse...

Entendo.
Concordamos então sob o aspecto simbólico do produto.
Mas o resultado final...
Bem, deixa pra lá!
Rsss...

Abs